Guilherme Arantes em Piracicaba

Guilherme ArantesComo em um encontro de amigos, de maneira descontraída e bastante à vontade, o cantor e compositor Guilherme Arantes apresenta seu novo disco, Condição Humana, e desfila os grandes sucessos de seus mais de 25 anos de carreira, como Planeta Água, Cheia de Charme, Meu Mundo e Nada mais, Lindo Balão Azul e Deixa Chover. Com 31 álbuns lançados, ele marcou seu nome na história da Música Popular Brasileira, emocionou gerações de fãs e teve suas composições gravadas por dezenas de artistas, entre eles Elis Regina (1945-1982), Byafra (1957), Zizi Possi (1956) e Flávio Venturini (1949). Belas harmonias, acordes menores e maiores, que conversam entre si, e canções reconhecidas de imediato, tanto pelo timbre inconfundível de seu piano Steinway quanto pela voz emocionada de quem o toca, tornam a apresentação única.

SERVIÇO:

Evento: Guilherme Arantes: Condição Humana

Data/Hora: 27/03 (sexta) – 20:00

Local: Sesi Piracicaba: Avenida Luiz Ralph Benatti, 600 – Vila Industrial

ENTRADA FRANCA

Maiores informações: (19) 3403-5900

Instituto Formar abre seu Canto Coral para comunidade

O fomento e o incentivo à cultura e a arte estão presentes na linha de trabalho do Instituto Formar desde sua fundação, há 49 anos. A área cultural do instituto, este ano resgata as aulas de Canto Coral – aplicadas nos anos 80 – e, a partir de agora, a atividade será desenvolvida para os aprendizes e também à toda comunidade piracicabana.

As aulas terão início este mês de fevereiro e as inscrições são gratuitas e estão abertas para pessoas com idade acima de 14 anos.

Os professores Felippe Junior e Eloy Porto Neto serão responsáveis pela formação do grupo. Para participar do Coral, não é necessário ter experiência ou mesmo ter tido aulas de canto, como observa o professor Felippe Junior: “Buscamos trabalhar com pessoas que tenham facilidade em captar melodias e notas musicais, mas não é preciso ter experiência”, disse.

De acordo com o professor, a intenção é preparar um grupo também para se apresentar em atividades e ações culturais na cidade, assim como a Banda João Romeu Pitolli. “Teremos divisão de vozes e, vamos trabalhar em grupo, sendo assim, as pessoas serão desafiadas e isso implica numa maior concentração, pois vamos trabalhar com as diferenças, com vozes distintas e isso é muito bom para o crescimento pessoal de cada indivíduo”, explicou Junior.

O ensino da música proporciona inúmeros benefícios sociopsicológicos pois os exercícios vocais auxiliam na melhora da coordenação motora, no aumento da concentração além de melhorar consideravelmente a autoestima, combate à ansiedade e aprimora a comunicação.

As vagas já estão abertas e os interessados podem se inscrever na sede do instituto Formar. As inscrições e o curso são gratuitos. Os ensaios acontecerão aos sábados no período da tarde.

Serviço:

Coral do Instituto Formar

Inscrições abertas e gratuitas

Dia/ Horário das inscrições: 8h30 às 16h30 (segunda a sexta-feira, exceto feriados)

Local: Sede do Instituto Formar – rua Gonçalves Dias, nº 721, bairro Piracicamirim em Piracicaba/SP.

Informações: (19) 3437.8888

CLÁSSICOS DO SAMBA NA SEXTA BRASILEIRÍSSIMA

O Cristóvão Colombo realiza na próxima sexta-feira, 29 de agosto, a partir das 21h, no Bar do Bocce, mais uma edição do Sandra Rodrigues - Divulgaçãoprojeto Sexta Brasileiríssima. A atração será a cantora Sandra Rodrigues, que apresentará show com clássicos do samba e outras obras consagradas da MPB. O evento é gratuito para associados e convidados podem retirar convite no caixa do clube.
Sandra Rodrigues é conhecida na região por interpretar músicas de Clara Nunes e Cartola. Cursou Técnica Vocal com a professora Débora Letícia, na Empem (Escola de Música de Piracicaba Maestro Ernst Mahle) e Canto MPB Jazz no Conservatório Dramático e Musical Dr. Carlos de Campos, em Tatuí.

SERVIÇO:
Evento: Sexta Brasileiríssima com Sandra Rodrigues
Data/Hora: 29/08/2014 (sexta) – 21 horas
Local: Bar do Bocce
O Cristóvão Colombo fica localizado na Av Alberto Vollet Sachs, 2300 – Morumbi em Piracicaba.
Mais informações: (19) 3124.8800

SEXTA BRASILEIRÍSSIMA NO DIA 15

Elis&Christian

Agendada para o dia 15 de agosto, a nova edição da Sexta Brasileiríssima, traz o carisma da dupla Elis e Christian ao palco do Bar do Bocce do Cristóvão Colombo, a partir das 21 horas.
Grande sucesso sertanejo da região, Elis e Christian, tocam nas melhores festas de peão, casas noturnas e eventos temáticos. No repertório, uma proposta de sertanejo pop, promete não deixar a plateia parada, variando do tradicional sertanejo universitário, às famosas modas raízes, country, dance music, funk e axé.
Associados tem entrada gratuita e convidados pagam R$30 por casal, ou R$15 individual.

SERVIÇO
A Sexta Brasileiríssima acontece na sexta-feira, dia 15, a partir das 21 horas, no Bar do Bocce. Associados têm entrada gratuita. Mais informações: (19) 34214.8800.

Orquestra Filarmônica e Projeto Jovens Músicos abrem 50 vagas

Iniciantes e músicos em nível avançado podem se inscrever pelo site até dia 12 de agosto

_MG_1933 - Projeto Jovens Músicos abre 50 vagas
Os interessados nas aulas de instrumento em nível iniciante devem ter de 12 a 17 anos e para quem já toca um instrumento de Orquestra até 25 anos de idade

 

O Projeto Jovens Músicos e a Orquestra Filarmônica Jovem de Piracicaba abriram inscrições de aulas para alunos iniciantes e músicos em nível avançado. Os interessados podem se inscrever gratuitamente até o dia 12 de agosto pelo site www.filarmonicapiracicaba.com.br.

Em busca de novos talentos da música erudita, o projeto viabilizado pelo Ministério da Cultura através da Lei Rouanet, atualmente compreende a Orquestra Filarmônica Jovem de Piracicaba, o Essemble de Metais, Quinteto de Metais e a Orquestra Acadêmica.

O projeto abre oportunidades para 50 novos alunos participarem de aulas dos seguintes instrumentos de orquestra: oboé, clarineta, fagote, trompete, trombone, violoncelo, contrabaixo, coral infantil e juvenil.

Os interessados nas aulas de instrumento em nível iniciante devem ter de 12 a 17 anos e_MG_1936 - Inscrições podem ser feitas até dia 12 de agosto para quem já toca um instrumento de Orquestra até 25 anos de idade. Já para participar do Coral Infantil, o aluno deve ter entre 08 e 12 anos e no Juvenil, 13 a 18 anos.

O projeto oferece também oportunidade para jovens músicos em nível avançado com vagas em Violino, Viola Erudita e Contrabaixo Acústico para integrarem a Orquestra Filarmônica Jovem de Piracicaba, onde poderão receber bolsa incentivo. Segundo o maestro e coordenador do Projeto Jovens Músicos, Anderson Oliveira, “os músicos da Filarmônica Jovem têm acesso a masterclasses com importantes nomes do cenário erudito mundial, como o Kristóf Baráti, violinista reconhecido mundialmente que esteve recentemente no projeto e, também praticam repertório que os preparam para futuros testes em orquestras profissionais”, explica. A próxima masterclass com o professor de violino Carmelo de Los Santos, da University of the New Mexico (EUA), será realizada nos dias 13 e 14 de agosto. Os interessados em ingressar na Orquestra, passarão por um teste de repertório.

As inscrições podem ser feitas através do site www.filarmonicapiracicaba.com.br. As aulas são ministradas no Clube Coronel Barbosa e devem ter início ainda neste mês de agosto.

 

Serviço:
Abertura de Vagas: Projeto Jovens Músicos e Orquestra Filarmônica Jovem de Piracicaba
Inscrições: até 12/08 (terça-feira) pelo site www.filarmonicapiracicaba.com.br
Informações: (19) 3302-8872
Fotos: Paulo Lima

Realização: Ministério da Cultura e Associação Amigos da Música de Piracicaba (Ampi)
Patrocínio: Caterpillar do Brasil, Supermercados Pague Menos, Bom Peixe e Oji Papéis Especiais.
Apoio: Prefeitura Municipal de Piracicaba, Società Italiana, Pira21, Clube Coronel Barbosa e Fritz Dobbert
Produção Cultural: 3Marias

Sesc recebe Arrigo Barnabé e Vânia Bastos

Ícones da vanguarda abrem o especial Uma nova estética musical: O Lira Paulistana, que ao longo do mês de março, vai homenagear movimento surgido na tradicional casa paulistana, nos anos 80. O show acontece na próxima quinta, 06/3, às 20h. Os ingressos já estão à venda.

Arrigo Barnabé e Vânia Bastos iniciaram a carreira ao mesmo tempo, no fim da década de 1970, como integrantes do inovador movimento Vanguarda Paulistana. Os dois estavam juntos em Clara Crocodilo, emblemático álbum de estreia do compositor e músico paranaense, de 1980, do qual a cantora paulista participou como vocalista. Arrigo_e_Vania_divulgacao1

Em Piracicaba, a dupla apresenta o show Música da grande cidade, projeto em duo retomado no fim de 2012. O show apresenta a atualidade da dupla e as reminiscências da origem vanguardista. Do clássico ao punk, da seresta a bossa nova, a dupla encarna a perspectiva dodecafônica em  um mix único e atemporal,  aspecto contemporâneo e inovador do movimento.

A instigante sintonia musical de Arrigo e Vânia revela-se em repertório de canções performáticas, entre elas: Sabor de Veneno, Orgasmo Total, Diversões Eletrônicas, Office-boy, Clara Crocodilo, todas compostas pelo pianista paranaense além de Lenda, Canção do Astronauta Perdido, Mirante, Londrina, Sinhazinha em Chamas de autoria da cantora.

A dupla sobe ao palco do Teatro às 20h. A apresentação não é recomendada para menores de 12 anos. Os ingressos custam entre R$ 2,00 e R$ 10,00 e já estão à venda em todas as unidades da rede Sesc ou pela internet www.sescsp.org.br/piracicaba

Sobre o projeto

Arrigo_e_Vania_divulgacao2

O Teatro Lira Paulistana funcionou entre 1979 e 1986, em um porão velho e barulhento na Rua Teodoro Sampaio, bairro de Pinheiros. O espaço, alugado por uma viúva a um grupo de “agitadores culturais”, se tornou emblemático para pensadores munidos de novas ideias em música, poesia e estética, mais tarde reconhecidos como Vanguarda Paulista.

Para captar a esse momento fértil, bem como reconhecer a extensão de sua influência, o Sesc Piracicaba elaborou programação que traz shows de artistas representativos do movimento: Arrigo Barnabé e Vânia Bastos (6/3), Anelis Assumpção (20/3) e Ná Ozzetti (22/3); e promove a estreia do documentário Lira Paulistana e a Vanguarda Paulista (25/3) com a presença do diretor Riba de Castro.

Serviço

Uma nova estética musical: O Lira Paulistana
Arrigo Barnabé e Vânia Bastos – Música da Grande Cidade
Quando: 6 de março, quinta, às 20h.
Local: Teatro.
Classificação: Não recomendado para menores de 12 anos.
Ingressos: R$ 2,00 (trabalhadores no comércio de bens, serviços e turismo matriculados),
R$ 5,00 (usuários, estudantes, idosos, professores da rede pública, aposentados e deficientes) e R$ 10,00.
Acesse o portal para mais informações sobre a programaçãohttp://www.sescsp.org.br/piracicaba
Endereço – Rua Ipiranga, 155 – Centro.
Tel: (19) 3437-9292

Sesc exibe documentário sobre a Viola

A Moda_e_a_viola_cred_Divulgacao

Filme baseado no livro de Romildo Sant’Anna e dirigido por Reinaldo Volpato será apresentado na próxima terça, 21/1, às 20h, com entrada gratuita. Após a sessão, diretor e autor conversam com o público.

A Moda É Viola é um filme documentário sobre a Moda Caipira de Raízes, sua estética e contexto sociocultural: as origens da música e do instrumento, os cantadores e poetas, principalmente a moda caipira como manifestação oral-popular e sua realidade enquanto expressão etnocultural.
Situa a Moda Caipira como uma das principais vertentes da Música Brasileira erudita e popular. Aborda o tema através de sínteses informativas, ilustrações musicais de proeminentes intérpretes (utilizando-se de desempenhos especiais para o documentário e fontes de arquivos) e de cenas do cotidiano que permeiam a existência rural caipira e sua projeção no mundo urbano.
O filme é baseado no livro “A Moda É Viola – Ensaio do Cantar Caipira” de Romildo Sant’Anna, o apresentador do filme. É dedicado a Inezita Barroso e homenagem ao programa “Viola, Minha Viola”. Tem a participação de dezenas de violeiros, duplas e compositores como Tião Carreiro e Pardinho, Pena Branca e Xavantinho, Angelino de Oliveira, Raul Torres, João Pacífico, Pedro Bento e Zé da Estrada, Vieira e Vieirinha, Bambico, Osni Ribeiro, Matuto Moderno, Trio Tamoyo, Célia e Celma, As Galvão, Ivan Vilela, Roberto Correa, Ramiro Viola e Pardini, Tonico e Tinoco, Mococa e Paraíso, Mario Zan, Fulanos de Tal.
Outras informações no blog http://www.amodaeviola.blogspot.com
Ficha Técnica
Produção – Taus Produções Audiovisuais
Co-produção – TV Cultura e HD Biz Produções Audiovisuais
Produtor Associado – Romildo Sant’Anna
Direção – Reinaldo Volpato
Apresentação – Romildo Sant’Anna
Ledora do texto – Clenira Sarkis
Fotografia – Zelé Volpato
Montagem – Reinaldo Volpato, Paulo Furtado e Renato Brito
Produção – Musi Sarkis, Cleo Neves e Rivaldo Corulli
Pós-produção de imagem – Renato Brito
Pós-produção de som – Tânis Sarkis
Produção Executiva – Bartira Volpato e Reinaldo Volpato
Assessoria de Imprensa – Luiz Carlos Lucena

Serviço
Cineclube
A Moda é Viola (BRA, 105’, cor, 2013. Dir. Reinaldo Volpato)
Quando: 21 de janeiro, terça, às 20h.
Local: Teatro.
Classificação: Livre.
Entrada Gratuita. A Retirada de ingressos tem início uma hora antes da exibição.
Acesse o portal para mais informações sobre a programação www.sescsp.org.br/piracicaba
Endereço – Rua Ipiranga, 155 – Centro
Tel: (19) 3437-9292

Projeto apresenta novos arranjos para Clementina de Jesus no Sesc

Projeto_Bate_Canela_cred_Divulgacao (2)Bate Canela mostra resultado de pesquisa sobre a cantora fluminense no próximo domingo, 19/1, às 20h, em show
na  unidade Piracicaba. A entrada é gratuita.

As influências africanas na música latino-americana, sobretudo da rítmica da percussão, servem de base para o projeto Bate Canela, desenvolvido pelo arranjador Adriel Job, o violeiro João Arruda e a cantora Tatiana Rocha, em 2009, a partir de uma pesquisa sobre o repertório da cantora fluminense. O primeiro fruto desse trabalho está no disco Quelé, lançado em 2012.

Como o título sugere, o CD traz versões de canções interpretadas por Clementina de Jesus (1902-1987), conhecida como Rainha Quelé. As músicas, em sua maioria de domínio público, pontos ou cânticos escravos. Quelé teve o patrocínio do Fundo de Investimentos Culturais de Campinas (Ficc).

A apresentação integra o especial Tributação Extra!!!, e ocorre às 16h, na Área de Convivência da Comedoria. A entrada é livre e gratuita para todos os públicos.

Sobre o Bate Canela

Bate Canela desenvolve pesquisas acerca da influencia africana na música desenvolvida atualmente nos países da América Latina. Sendo a percussão o foco central de suas pesquisas, o músico convida outros profissionais, especialistas em suas áreas e em seus instrumentos, para juntos desenvolverem e criarem trabalhos únicos e de suma importância para a produção musical contemporânea.

Sobre o Tributação Extra!!!

Especial que ocorre durante todo o mês de janeiro no Sesc Piracicaba traz bandas e projetos, cuja proposta é prestar um tributo às suas principais referências, sem deixar de lado sua linguagem própria. Além de Sympathy for the Blues, show com versões bluseiras de Rolling Stones, apresentado em 09/1 e do Projeto Bate Canela, a programação ainda conta com tributos ao Pink Floyd (com Cidadão Instigado em 25/1);  Caetano Veloso (com Bicicletas de Atalaia em 26/1) e Jorge Ben (com Sandália de Prata em 30/1)

Serviço

Tributação Extra!!!
Projeto Bate Canela interpreta Clementina de Jesus
Quando: domingo, 19 de janeiro, às 16h.
Local: Área de Convivência da Comedoria.
Classificação: Livre para todos os públicos.
Entrada gratuita.
Acesse o portal – www.sescsp.org.br/piracicaba
Endereço – Rua Ipiranga, 155 – Centro
Tel: (19) 3437-9292

Bandas paulistanas interpretam Rolling Stones no Sesc

Sympathy_credito_Fernando_Velozo2Trítono Blues e Montana Blues se unem e apresentam show Sympathy for the Blues com versões de músicas dos
Rolling Stones, na próxima quinta, 9/1, às 20h. O show integra o especial Tributação Extra!!!,
e os ingressos já estão à venda.

   A afinidade das duas bandas não é de hoje. Os integrantes se conhecem desde a década de 90, e formaram inúmeras bandas de Blues e Rock desde então. Rolling Stones sempre esteve presente nos set lists. De uns anos para cá, as bandas começaram a se aproximar e consolidar a amizade e parceria. Compartilhavam as mesmas casas e bares, músicos e até parte do repertório.

    A ideia de juntar os dois grupos então parecia natural, e foi concretizada em 2012, no entanto foi só no final de 2013 que tiveram a sacada de montar o Projeto “Sympathy For The Blues“, um trocadilho com a música Sympathy for the Devil.

Bruno Sant’Anna (voz e percussão) trouxe o disco Paint it Blue – Songs of the Rolling Stones, uma coletânea de vários artistas de Blues e Soul, fazendo versões dos Stones. Este disco foi o ponto de partida.

Mas não se limitaram a esta referência, outros clássicos do Stones ganharam novos arranjos, feitos especificamente para esta formação. Isso ocorreu de uma forma muito natural, já que os próprios Stones no começo de carreira queriam ser uma banda de Blues. Mick Jagger e Keith Richards se encontravam ainda em meados dos anos 50, para trocar e ouvir discos do gênero. O que reflete nos primeiros discos lançados pelos ingleses, recheados de clássicos do estilo.

Imagine “It´s only Rock and Roll”, “Wild Horses”, “Satisfaction”, “Miss You”, transformadas em Chicago Blues, Country Rock, Blues Rock, Swing Blues, New Orleans. Stones em versões diferentes, mas sem perder a essência.

A apresentação integra o especial Tributação Extra!!!, tem início às 20h e não é recomendada para menores de 12 anos. Os ingressos custam entre R$ 2,00 e R$ 10,00.

Mais sobre a banda em: www.facebook.com/pages/Sympathy-for-the-BLUES

Para downloads de fotos acesse: http://we.tl/woG5rIQTBo


Tributação Extra!!!

Especial que ocorre durante todo o mês de janeiro no Sesc Piracicaba traz bandas e projetos, cuja proposta é prestar um tributo às suas principais referências, sem deixar de lado a linguagem própria. Serão ao todo cinco apresentações: Projeto Bate Canela explora o repertório da cantora Clementina de Jesus (19/1); Cidadão Instigado executa o álbum The Dark Side of The Moon do Pink Floyd na íntegra (25/1); Bicicletas de Atalaia interpreta músicas de Caetano Veloso (26/1) e Sandália de Prata revisita clássicos de Jorge Ben no show Sandálias de Jorge (30/1).

Serviço

Tributação Extra!!!
Sympathy for the Blues

Quando: dia 09 de dezembro, quinta, às 20h.

Local: Teatro.

Classificação: Não recomendado para menores de 12 anos.

Ingressos: R$ 2,00 (trabalhadores no comércio de bens, serviços e turismo matriculados), R$ 5,00 (usuários, estudantes, idosos, professores da rede pública, aposentados e deficientes) e R$ 10,00.

Acesse o portal para mais informações sobre a programação – www.sescsp.org.br/piracicaba

Endereço – Rua Ipiranga, 155 – Centro.

Tel: (19) 3437-9292

Sesc recebe sambista Chico Mendes

Chico_Mendes_cred_DivulgacaoCantor e compositor apresenta, no próximo domingo, 12/1, às 16h, o show Sambas que o Povo Canta…
com verdadeiras obras-primas do estilo. A entrada é gratuita.

O projeto Som de Domingo do Sesc Piracicaba recebe o cantor, compositor e arranjador Chico Mendes e seu novo show, um tributo à música popular brasileira com sucessos dos grandes mestres samba.

    Com a peculiar dedicação, profissionalismo e gosto musical refinado, o Chico Mendes minuciosamente, seleciona verdadeiras obras primas, do samba de verdade à temporada do novo ano que se aproxima, dentre as quais: Dança da solidão (Paulinho da Viola),Gosto que me enrosco(Sinhô),Filosofia do samba(Candeia), Ex-amor (Martinho da Vila),Sonho meu(Dona Ivone Lara e Délcio Carvalho),O orvalho vem caindo(Noel Rosa), A flor e o espinho(Nelson cavaquinho/Guilherme de Brito)As rosas não falam(Cartola),e outras antologias e seus mestres.

    A apresentação ocorre às 16h, na Área de Convivência da Comedoria. A entrada é livre e gratuita para todos os públicos.

Som de Domingo

Chico Mendes – Sambas Que O Povo Canta…
Quando: domingo, 12 de janeiro, às 16h.
Local: Área de Convivência da Comedoria.
Classificação: Livre para todos os públicos.
Entrada gratuita.
Acesse o portal – www.sescsp.org.br/piracicaba
Endereço – Rua Ipiranga, 155 – Centro

Tel: (19) 3437-9292